Interpretar Gestos

Home»A mentira»Tédio

Tédio

  • Postado em Abril 29, 2014
  • Categoria A mentira
20-junho-tedio2

Quando o ouvinte começa a usar a mão para apoiar a cabeça, isso constitui um sinal de que se instalou o tédio, e a mão que sustenta a cabeça é uma tentativa de se impedir a si próprio de adormecer. O grau de tédio do ouvinte está relacionado com o grau maior ou menor em que braço e mão sustentam a cabeça.
Este gesto começa habitualmente pelo polegar a sustentar o queixo, seguido pelo punho, à medida que o interesse se desvanece. Uma extrema falta de interesse é exibida quando a cabeça é totalmente sustentada
pela mão, e o sinal definitivo de tédio ocorre quando a cabeça é totalmente sustentada pelas mãos, e se tornam evidentes sons de ressonar.

Tamborilar com os dedos sobre a mesa e bater continuamente com os pés no soalho são sinais frequentemente mal interpretados pelos oradores profissionais como indicadores de tédio, quando na verdade assinalam impaciência. Se se dirigir a um grupo de pessoas e observar estes sinais, terá de fazer uma movimentação estratégica no sentido de fazer com que as pessoas que tamborilam os dedos ou batem com os pés se envolvam na conversação, para evitar este efeito negativo sobre os outros ouvintes. Qualquer plateia que exiba sinais de aborrecimento e impaciência, em conjunto, está a dizer ao orador que está na altura de terminar.

Palavras Chave - , , , , , ,